Carpec

Saiba como é a tecnologia da vacina norte-americana que Minas quer fabricar

Governo de Minas negocia com laboratório norte-americano a transferência de tecnologia para a fabricação de doses contra a Covid no laboratório da Fundação Ezequiel Dias (Funed)

Minas Gerais negocia com um laboratório norte-americano a transferência de tecnologia para que a Fundação Ezequiel Dias (Funed) possa fabricar vacinas contra a Covid em Belo Horizonte. O assunto foi levantado ontem pelo secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, durante sabatina com deputados estaduais durante o programa Assembleia Fiscaliza.

A negociação acontece com a empresa Covaxx, subsidiária da United Biomedical (UB) que atua no mercado de medicamentos, vacinas veterinárias e produtos para diagnóstico. A nova vacina, que atualmente está nas fases 2 e 3 de testes, utiliza peptídeos, que são porções de proteínas, para estimular as células de defesa dos imunizados.

SF

De acordo com a Funed, a Covaxx pretende utilizar fábricas licenciadas por órgãos regulatórios para a produção de até um bilhão de doses de vacina para o ano de 2021. “Um fator importante é que a produção não requer níveis de biossegurança restritos e permite uma produtividade em larga escala. É também importante ressaltar que uma plataforma de produção de peptídeos na Funed se alinha a iniciativas de pesquisas já em desenvolvimento em Minas Gerais”, afirmou a Funed por meio de nota, acrescentando que as vacinas poderão ser usadas para imunização contra a Covid ou como doses de reforço.

A parceria com o laboratório norte-americano poderá ser viabilizada a partir da construção de um novo laboratório da Funed, que será custeado pela Vale, como parte do acordo de reparação pelo rompimento da barragem em Brumadinho – R$135 milhões seriam destinados para Funed e para o projeto Biofábrica Wolbachia. Por meio de nota, a Vale confirmou que a reestruturação da Funed está contemplada nos projetos de reparação e compensação do Acordo Global.

A Funed diz ainda que continua mantendo diálogo com UFMG sobre a Spintec, vacina que está sendo desenvolvida pela universidade.

Queda no número de óbitos

Durante a reunião da Assembleia Fiscaliza, os deputados abordaram diversos assuntos ligados à gestão da saúde durante a pandemia, como leitos de UTI e monitoramento de casos e mortes por Covid. Beccheretti disse que o Estado tem uma incidência da doença próxima da verificada entre o fim de março e o início de abril (maior pico da pandemia), mas com queda do número de óbitos. “Os casos graves diminuíram, o que já é um reflexo da vacinação”, comentou. No momento, 70 pacientes aguardam vagas de UTI em função da doença, enquanto no último dia 10, eram 227 pacientes.

O secretário também foi questionado sobre o pagamento pelo governo de débitos com municípios mineiros na área da saúde, calculados em R$ 7 bilhões. “Há a expectativa da pasta em se reorganizar para que os municípios sejam pagos dentro do corrente ano. Queremos virar este ano sem dívida de 2021”, afirmou Baccheretti.

Fonte: O Tempo

Redação Paranaíba Agora

A empresa Paranaíba Agora surgiu há cinco anos para levar a informação séria, responsável para a sociedade rio paranaibana. Aos poucos, foi ganhando espaço e passou a ser o principal veículo de comunicação online em Rio Paranaíba. Além do portal de notícias que já atingiu mais de 5 milhões de acessos, a empresa ainda realiza outros serviços de marketing para empresas. Nossa linha editoral é de sempre trabalhar com a verdade dos fatos, pautando pela seriedade e respeito com ambas as partes da história.

Leia Também

Previsão do tempo

Cotação do Café

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist