Entre em contato conosco


Notícias

Incêndio consome cerca 400 hectares de vegetação e deixa rastro de destruição em Patos de Minas

Published

on




As primeiras chuvas que caíram sobre Patos de Minas não foram suficientes para acabar com as queimadas e incêndios florestais. Nessa quarta-feira (18), o Corpo de Bombeiros foi acionado para ajudar a controlar as chamas que consumiam áreas de pastagens, árvores, eucaliptos na região de Sumaré.

O incêndio começou por volta de 10h00 dessa quarta-feira e atingiu grandes proporções ao se aproximar da estrada de Sumaré e da BR 365. Os militares chegaram ao local por volta de 13h00 e iniciaram os trabalhos de combate as chamas. Foram necessárias 5 horas de trabalho intenso para conter o fogo.



Cincos casas próximas precisaram ser isoladas para não serem atingidas pelas labaredas. Por sorte ninguém ficou ferido. De acordo com o Tenente Elias, o fogo atingiu cerca de 400 hectares de pastagens, Eucaliptos e muita madeira. Populares uniram forças com os militares do Corpo de Bombeiros para que o incêndio fosse controlado o mais rápido possível.

Mesmo com todo o esforço, o fogo só foi controlado por volta de 18h00, deixando um rastro de destruição. As queimadas e incêndios florestais causam inúmeros prejuízos ao meio ambiente. Além da poluição do ar e do empobrecimento do solo, o fogo provoca a morte de inúmeras espécies silvestres.

O Patos Hoje vem noticiando com frequência a presença de animais silvestres no perímetro urbano. Só essa semana, foram encontrados um Tamanduá-mirim no centro da cidade e um Ouriço Cacheiro no Bairro Várzea.

De acordo com o Tenente Elias do Corpo de Bombeiros, os animais silvestres migram para a cidade em busca de abrigo e alimentação. Ainda não ficou provado se o incêndio foi acidental ou criminoso.

Fonte: Patos Hoje


Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *