Entre em contato conosco


Notícias

Garotinho que matou a própria mãe, acidentalmente, será acompanhado pelo Conselho Tutelar

Published

on

O garoto, de apenas oito anos, que atirou, acidentalmente, na própria mãe receberá acompanhamento do Conselho Tutelar de São Gotardo. O menino deve receber tratamento psicológico e passar por uma serie de medidas de proteção. A informação foi confirmada pela conselheira tutelar Jacinta Gomes, em declarações à imprensa. A tragédia foi registrada no último sábado, na Zona Rural de São Gotardo.


“Precisamos saber como os fatos ocorreram para que, posteriormente, possamos elaborar uma abordagem e a aplicação das medidas de proteção. O que temos certeza é que essa criança precisará de uma série de acompanhamentos, um tratamento psicológico por conta do trauma”, disse a conselheira ao portal G1.

O garotinho atirou na própria mãe por acidente, enquanto “brincava” com uma espingarda. A arma estava carregada e acabou disparando. Como não possui registro, o dono da espingarda e proprietário da fazendo o crime ocorreu foram presos, por posse ilegal de arma de fogo e negligência.

Por: Redação Clube Notícia

Fonte: G1 Triângulo

Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.