Entre em contato conosco


Destaque

Atlético deslancha, supera Uberlândia no Horto e reassume liderança do Mineiro

Published

on

O Atlético reassumiu a liderança do Campeonato Mineiro. Com desempenho irregular, o Galo teve muita dificuldade para superar a solidez defensiva do Uberlândia, mas garantiu a vitória por 3 a 0, neste domingo, no Independência. A equipe de Roger Machado deslanchou somente após o primeiro gol, marcado por Danilo, aos 31 minutos da segunda etapa. Rafael Moura e Fred completaram o placar no Horto.

Com o resultado, o Atlético mantém os 100% de aproveitamento no Estadual, agora com nove pontos. O Galo chegou a perder a primeira colocação com o triunfo do Cruzeiro contra o Tupi, no sábado. Mas a goleada sobre a equipe do Triângulo devolve o topo da tabela ao Alvinegro, que supera o rival no saldo de gols – sete a seis. Já o Uberlândia segue no terceiro lugar, com seis pontos.

Na rodada seguinte do Campeonato Mineiro, o Atlético tem clássico contra o América, no Mineirão, no próximo domingo. No mesmo dia, o Uberlândia recebe o Tombense no Parque do Sabiá.

Galo cria pouco em etapa morna

O Atlético pressionou no início da etapa, sufocou a saída de bola do Uberlândia, mas não conseguiu criar jogadas importantes. O primeiro lance de perigo ocorreu aos 19 minutos, com Danilo. O polivalente jogador tabelou com Elias, invadiu a área e bateu forte. No entanto, o goleiro Thiago Braga caiu no canto direito e fez ótima defesa, evitando o gol atleticano.

A partida no Horto continuou morna. O Atlético tomava a iniciativa, enquanto o time do Triângulo esperava as oportunidades para o contra-ataque. Com Cazares sumido em campo, Otero foi o principal responsável pela criação de jogadas. E foi do pé direito do venezuelano que o Galo teve outra boa chance de abrir o placar. Aos 29 minutos, o meia cobrou falta da ponta direita, Leonardo Silva subiu entre  a zaga do Uberlândia e desviou de cabeça. Thiago Braga, bem colocado, defendeu firme.

Nos minutos finais do primeiro tempo, o Atlético explorou a troca de passes em busca de espaços na defesa adversária. Com dificuldade de movimentação, o Alvinegro passou a arriscar, sem êxito, chutes de longa de distância e cruzamentos. Isolado no ataque, Fred brigou bastante com os zagueiros, mas não teve oportunidade para arrematar a gol. Firme na marcação, o Uberlândia não cedeu mais brechas e conseguiu anular os avanços de Elias e Cazares. As investidas do Periquito no ataque, entretanto, foram raras.

Gol de Danilo empurra Atlético para vitória


A postura do Atlético continuou a mesma no início do segundo tempo: dificuldade na criação e falta de agressividade. Para tentar acabar com a apatia, Roger Machado fez a primeira substituição aos 10 minutos. Maicosuel entrou na vaga de Cazares, inoperante durante toda a participação na partida. Apesar da mudança, o desempenho do time alvinegro não melhorou, e o comandante decidiu realizar uma alteração mais ousada: o atacante Rafael Moura no lugar do volante Elias. Pelo lado do Uberlândia, entraram Elivelton e Jefersom Berger, para as saídas de João Paulo e Vanger.

Consistente na defesa, o Uberlândia chegou com perigo pela primeira vez aos 25 minutos. Elivelton bateu forte, cruzado da entrada da área, e Gabriel se esticou todo para afastar a bola antes da chegada de Reinaldo Alagoano. Galo respondeu em seguida, com Fábio, que aproveitou sobra na área. O lateral-esquerdo, porém, pegou mal e isolou a bola pela linha de fundo. Pouco depois, Roger fez a última mexida, colocando o time ainda mais ofensivo: Clayton na vaga de Otero.

Mesmo sem contundência, a insistência do Atlético, enfim, deu resultado. Aos 31 minutos, Marcos Rocha, em cobrança de lateral, arremessou a bola para a área. Rafael Moura ganhou da defesa alviverde e bateu prensado. O rebote ficou com Danilo, que apareceu rápido na pequena área e completou de cabeça para a rede: 1 a 0. Este foi o terceiro gol do lateral no Estadual.

O Uberlândia se abriu e, seis minutos depois, sofreu mais um golpe. Maicosuel arrancou pela intermediária, tabelou com Fred, invadiu a área e devolveu de calcanhar. O camisa 9 bate cruzado, e Rafael Moura finaliza para o gol: 2 a 0 para o Atlético.

Com o rival desestruturado, o Atlético conseguiu ampliar a vantagem, aos 42 minutos, novamente em jogada entre Fred e Maicosuel. O meia cruzou na medida para o centroavante, que ganhou da defesa e cabeceou sem chances para Thiago Braga: 3 a 0.

ATLÉTICO 3 X 0 UBERLÂNDIA

 

ATLÉTICO – Giovanni, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel, Fábio Santos, Rafael Carioca, Elias (Rafael Moura), Danilo, Cazares (Maicosuel), Rômulo Otero (Clayton), Fred. Técnico: Roger Machado

UBERLÂNDIA – Thiago Braga; Rodney, Mauro Viana, Robinho e Vandinho; Bruno Moreno, João Paulo (Elivelton), Marco Goiano (Schumacher) e Alê; Vanger e Reinaldo Alagoano. Técnico: Paulo César Catanoce

Local: Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 12 de fevereiro de 2017, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Igor Júnior Benevenuto
Assistentes: Ricardo Júnior de Souza E Sidmar dos Santos Meurer

Gols: Danilo, aos 31, Rafael Moura aos 37, Fred aos 42 minutos do segundo tempo (Atlético)
Cartões: Vandinho,Robinho e João Paulo (Uberlândia); Leonardo Silva, Danilo, Rafael Moura (Atlético)

Fonte: Superesportes

Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *