Entre em contato conosco


Cidades

PC conclui investigações sobre furtos de gados, indicia seis pessoas e recupera 140 animais em Ibiá

Published

on

A Polícia Civil de Minas Gerais, através da Delegacia de Ibiá sob comando do Delegado Dr. André Luiz Campos, a qual é integrada à Delegacia Regional de Araxá, concluiu as investigações da Operação denominada “Free Boi”, realizadas para apurar os crimes de furtos de gados, receptação de animal, uso de documento falso e organização criminosa.

As investigações tiveram início logo após a ocorrência de vários furtos de gado em várias fazendas situadas na região das cidades de Ibiá, Pratinha e Campos Altos, no Alto Paranaíba. Os indivíduos agiam durante a madrugada, e utilizavam caminhonetes de pequeno porte para furtar cerca de duas a três cabeças de gado bovino por vez, sendo que, ao todo, foram furtados, mais de 150 cabeças de gado, dentre novilhas e vacas leiteiras, causando um prejuízo para as vítimas estimado em mais de R$ 300.000,00 mil reais aos produtores rurais da região.


Até o presente momento, a Polícia Civil já recuperou cerca de 139 animais, dos quais a grande maioria já foi reconhecida por várias vítimas de diversas cidades de nossa região, as quais ficaram satisfeitas ao reaver animais que lhe foram furtados. Além de recuperar grande parcela dos animais furtados, a Polícia Civil também conseguiu identificar 06 autores.

O investigado D. L. B, de 39 anos de idade, foi preso no dia 22 de agosto, e os demais, A.F.N, de 39 anos e E.S.D.F, de 59 anos, se apresentaram na data do dia 16 de setembro, na Delegacia de Polícia Civil de Ibiá, onde foram presos e interrogados na presença de seu advogado, sendo, em seguida, levados para a Penitenciária de Patrocínio/MG.

Já os autores Marcos Paulo Caetano, de 36 anos, Wanderson Ritielly Ribeiro, vulgo Torosco, de 29 anos, Delvis Lázaro Borba, de 36 anos, estão foragidos da Justiça desde o dia 10 de setembro e são procurados pela Polícia. Os autores foram indiciados pelas práticas de 19 crimes de furto qualificado, receptação de animais, uso de documento falso e organização criminosa, sendo o Inquérito Policial finalizado e remetido para a Justiça Pública da Comarca e Ibiá.

Participaram da Operação “FREE BOI”, o Delegado Regional Dr. Vitor Hugo Heisler, o Delegado Dr. André Luís de Campos titular da Delegacia de Ibiá, e os investigadores de Polícia, Danilo Roberto, Isabela Guerra, Larissa Oliveira, Carlos Alberto, Bruna Nunes e Vasco Pierre. Também contamos com o apoio dos Policiais Civis Leonardo e Luciano de Rio Paranaíba.

Texto: Willian Tardelli

Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.