Entre em contato conosco


Notícias

Jovens que teriam provocado acidente na BR 365 são presos por embriaguez e homicídio culposo

Published

on



Os dois jovens que ocupavam o veículo Ford/Fiesta, que teria provocado o acidente na BR 365 que deixou três mortos e 27 feridos, foram presos em flagrante pela Polícia Rodoviária Federal e poderão responder por homicídio culposo, embriaguez ao volante e por omissão de socorro. Após o acidente, eles fugiram do local da batida com o veículo danificado.

Segundo o inspetor Diego da PRF, os dois jovens estavam trafegando na estrada vicinal que dá acesso a Lanhosos e entraram na BR 365 sem observar o trânsito. O ônibus da Gontijo que seguia em direção a Patos de Minas atingiu o veículo e foi para a contramão, batendo de frente com a carreta que seguia em sentido contrário. Os dois veículos pegaram fogo.

No momento da batida, o veículo era conduzido por um jovem identificado pela PRF com as iniciais Bruno Amaral Carneiro. Após a batida ele passou a direção do carro para o jovem identificado como Bruno Xavier Coelho e os dois saíram do local, sendo parados no Posto da Polícia Rodoviária Federal, a poucos quilômetros do local da batida. Eles confessaram que estavam no carro que se envolveu no acidente e que teria fugido do local.



Bruno Xavier apresentava sintomas de ter ingerido bebida alcóolica, mas em pequena quantidade, o que não constitui crime. Bruno Amaral também soprou o etilômetro e o resultado foi teor de 0.78 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, o que constitui crime.

Bruno Amaral deverá responder por homicídio culposo na direção de veículo automotor, omissão de socorro e afastar-se o condutor do veículo do local do acidente, para fugir à responsabilidade penal ou civil que lhe possa ser atribuída. Já Bruno Xavier foi preso por embriaguez ao volante, Omissão de socorro e Afastar-se o condutor do veículo do local do acidente, para fugir à responsabilidade penal ou civil que lhe possa ser atribuída.

O acidente foi no Km 419 da BR 365. O local e bastante perigoso, uma vez que faz cruzamento com duas estradas vicinais, a de acesso a Lanhosos e a estrada da Serrinha. Havia um radar instalado exatamente no ponto do acidente, mas foi retirado. O equipamento obrigava os motoristas a respeitarem a velocidade no local que é de 60km/h.

Fonte: Patos Hoje



A empresa Paranaíba Agora surgiu há cinco anos para levar a informação séria, responsável para a sociedade rio paranaibana. Aos poucos, foi ganhando espaço e passou a ser o principal veículo de comunicação online em Rio Paranaíba. Além do portal de notícias que já atingiu mais de 5 milhões de acessos, a empresa ainda realiza outros serviços de marketing para empresas. Nossa linha editoral é de sempre trabalhar com a verdade dos fatos, pautando pela seriedade e respeito com ambas as partes da história.

Publicidade

Previsão do tempo

Siga-nos nas redes sociais

Cotação do Café

Últimas notícias