Funcionárias denunciam assédio sexual de patrão em Patos de Minas

387

Duas funcionárias de uma loja de assessórios, em Patos de Minas, denunciaram o patrão, após sofrerem assédio sexual. Segundo o depoimento das vítimas, o ato era constante. Elas também informaram que o empregador sempre ameaçava demiti-las.

No boletim de ocorrência consta, ainda, que o homem passava a mão nas coxas e na bunda das vítimas. Elas chegaram a ser filmadas no ambiente de trabalho. O patrão não foi preso. As funcionárias decidiram pedir demissão.

Ainda de acordo com o informado para a Polícia, as duas mulheres sempre eram tocadas indevidamente em diversas situações. Elas também disseram que foram humilhadas pelo patrão e eram tratadas aos gritos.

A loja em questão, no entanto, é de propriedade da esposa do acusado. No boletim, não há depoimento da proprietária. Como o caso ainda é apurado, os nomes dos envolvidos, bem como o das vítimas, foram preservados.

Fonte: Clube Notícia

COMPARTILHAR
Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.