Entre em contato conosco


Destaque

Em péssimas condições, obras de recuperação da BR 354 gera reclamações dos moradores de Chaves

Published

on

As obras de recuperação da BR 354 no trecho que liga Rio Paranaíba à Patos de Minas vêm causando transtorno não só para os motoristas que trafegam pela pista, mas, bem como, para os moradores das comunidades às margens da rodovia. Além do sistema pare e siga que está em torno de 40 minutos a uma hora de espera, a poeira também está atrapalhando a viagem.

Nossa redação recebeu nessa semana fotos e vídeos e presenciou na última sexta-feira (17), a irresponsabilidade de diversos motoristas que querem a todo custo fazem ultrapassagem em locais que não são liberados. Na pista, entre Rio Paranaíba e Carmo do Paranaíba existe vários trechos em que o asfalto foi todo arrancado pela empresa responsável pela recuperação e está na estrada de chão.

Moradores da comunidade de Chaves também está com essa situação. Em frente à comunidade, a pista sem asfalto, tempo seco e a alta velocidade dos motoristas tem contribuído para a poeira chegue as casas de diversas famílias. Um motociclista já chegou a escorregar na pista próximo à comunidade e foi socorrido para o Hospital Municipal de Rio Paranaíba. Ficou constatado que ele acabou quebrando o braço no acidente.


A comunidade pede que a empresa jogue água nos trechos que estão sem asfalto para apagar a densa nuvem de poeira que vem causando tanto mal para as famílias que residem em Chaves. É importante chamar a atenção dos motoristas que trafegam pela rodovia, para que obedeçam à sinalização de trânsito e reduza a velocidade para evitar possíveis acidentes no trecho.

O sistema pare e siga está funcionando 24 horas, podendo a paralisação chegar a uma hora de espera. Filas quilométricas estão se formando nos dois sentidos da pista e por isso, é preciso atenção de todos.

Texto: Gilberto Martins

Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.