Entre em contato conosco


Destaque

Em jogo dramático, Atlético arranca empate com Inter e avança à final da Copa do Brasil

Published

on



(Foto: Flávio Tavares/Estadão)

(Foto: Flávio Tavares/Estadão)

Até quando a situação parece tranquila, o Atlético trata de deixar as coisas mais difíceis para conseguir a classificação. Em uma partida eletrizante, o time alvinegro ficou atrás no placar por duas vezes, mas buscou o empate e ficou no 2 a 2 com o Internacional, no Independência, e avançou à final da Copa do Brasil.

Como havia vencido por 2 a 1 em Porto Alegre, o Galo poderia até perder por 1 a 0 que mesmo assim ficava com a vaga. E Aylon abriu o placar para os gaúchos aos 26 minutos do primeiro tempo.

O gol deixou o Atlético nervoso em campo, mas a equipe conseguiu empatar aos 47 com Robinho, que não vinha jogando bem. Mas dois minutos depois, em uma bobeada de Victor, que errou o domínio em uma bola recuada e perdeu para Anderson que fez o segundo do Inter. A falha não abalou o Galo e, na etapa final, Lucas Pratto deixou tudo igual garantindo a vaga na final.

A decisão será contra o Grêmio, que empatou sem gols com o Cruzeiro em Porto Alegre. Como o Tricolor havia vencido no Mineirão ficou com a vaga. Nesta sexta-feira, às 9h, o departamento de competições da CBF fará o sorteio para os mandos de campo das finais, que estão marcadas para os dias 23 e 30 deste mês.

O jogo

Em campo, o time misto do Internacional mostrou que pode incomodar os adversários. Com disposição e garra, não se intimidaram com o fato de jogarem com torcida contra. Após os primeiros minutos de pressão atleticana, a equipe gaúcha foi ao ataque e criou chances perigosas até conseguir abrir o placar aos 26 minutos. Valdívia acionou Anderson na área, que percebeu a movimentação de Aylon. O centroavante, livre, só teve o trabalho de deslocar Victor.

Na busca por mais um gol, o Internacional seguiu no ataque e teve mais uma oportunidade com Valdívia. No lance seguinte, aos 31, o Atlético mandou uma bola na trave com Lucas Pratto e resolveu entrar no jogo. Começou a dominar mais o meio de campo e fez o gol de empate aos 45. Ceará errou no meio de campo e perdeu a bola. Luan a recuperou no chão e tocou para Pratto, que fez jogada individual até encontrar Robinho, que chutou cruzado e rasteiro no canto esquerdo de Danilo Fernandes.



O empate era um alívio para o Atlético, mas o que ninguém esperava era uma falha de Victor. Aos 47, em uma recuada de Erazo, o goleiro ajeitou com muita força e a bola correu mais que o previsto. Anderson estava ligado no lance e a roubou, tocando para o gol vazio e colocando o Internacional novamente na frente.

Com o duelo indo para a disputa por pênaltis, o clube gaúcho começou a segunda etapa um pouco mais cauteloso. Isso acabou sendo fatal, já que o Atlético resolveu imprimir uma pressão maior no ataque. Como consequência, o gol de empate aos 15 minutos. Em boa jogada de Leandro Donizete, a bola chegou em Robinho na entrada da área. Com um toque de primeira por cima, ela foi para Pratto, dentro da área, que ajeitou e chutou por baixo de Danilo Fernandes.

A partir daí, apenas o Atlético teve chances para marcar o terceiro gol. O goleiro colorado foi o responsável por evitar a vitória mineira. Do lado colorado, vontade não faltou nos últimos minutos, mas o cansaço bateu e a classificação não foi possível.

Atlético 2 x 2 Internacional

Atlético: Victor; Carlos César, Gabriel, Erazo e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso, Luan (Cazares), Otero (Rafael Carioca) e Robinho (Clayton); Lucas Pratto. Técnico: Marcelo Oliveira

Internacional: Danilo Fernandes; Ceará, Alan Costa, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Fabinho, William, Anderson (Andrigo) e Valdívia (Sasha); Aylon (Ariel). Técnico: Celso Roth

Motivo: jogo de volta – semifinal da Copa do Brasil

Data: 2 de novembro de 2016, quarta-feira, às 21h45

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Aylon (26min/1ºT), Robinho (47min/1ºT), Anderson (49min/1ºT), Lucas Pratto (15min/2ºT)

Cartão Amarelo: Aylon, Ceará, Sasha, Valdívia (Internacional); Luan, Rafael Carioca (Atlético)

Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)

Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Bruno Raphael Pires (GO)

Público: 20.447 torcedores

Renda: R$ 1.434.860,00

Fonte: Itatiaia



A empresa Paranaíba Agora surgiu há cinco anos para levar a informação séria, responsável para a sociedade rio paranaibana. Aos poucos, foi ganhando espaço e passou a ser o principal veículo de comunicação online em Rio Paranaíba. Além do portal de notícias que já atingiu mais de 5 milhões de acessos, a empresa ainda realiza outros serviços de marketing para empresas. Nossa linha editoral é de sempre trabalhar com a verdade dos fatos, pautando pela seriedade e respeito com ambas as partes da história.

Publicidade
Comments

Previsão do tempo

Siga-nos nas redes sociais

Cotação do Café

Últimas notícias