Bolsões de água em loteamento foram tampados dias antes de acidente com nascente e manancial em Rio Paranaíba


Na manhã da última terça-feira (16), a notícia de que um possível bolsão de água havia se rompido no loteamento Nossa Senhora Aparecida pegou muita gente de surpresa em Rio Paranaíba. A cidade ficou sem o abastecimento de água por cerca de 48 horas até que os servidores da Copasa e do próprio loteamento fizessem a limpeza do manancial e da nascente.

Na manhã desta quarta-feira (17), nossa redação tomou conhecimento da real situação do loteamento. De acordo com as informações, o empreendedor fez nove bolsões de água para conter toda a enxurrada desce dos barros que foram construídos acima. Porém, por algum motivo, a empresa tampou seis dos noves bolsões e não compactou a terra no local.

Foto: Reprodução/Google

Diante da forte chuva que atingiu a cidade de Rio Paranaíba, a forte enxurrada levou para dentro da nascente e do manancial que abastece a cidade muita lama e sujeira, interrompendo o abastecimento de água na cidade. Nossa reportagem esteve no local na manhã de ontem e pôde constatar a velocidade que a água atingiu a nascente.

Através de nota, a Copasa informou que a abastecimento de água teve que ser interrompido emergencialmente para manutenção na Estação de Tratamento de Água (ETA) e que reabastecimento voltaria gradativamente durante essa quarta-feira (17).

O empreendedor do loteamento chegou a entrar em contato com a nossa redação na noite de terça-feira através de e-mail, alegando que a matéria que havíamos divulgado não estava coerente com os fatos e que a empresa não queria entrar na justiça contra o Paranaíba Agora para resolver a situação. Ainda na manhã desta quarta-feira, a nossa redação respondeu o referido e-mail e estamos aguardando uma resposta satisfatória sobre a situação.

Texto: Gilberto Martins

COMPARTILHAR
Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.