O ex-presidiário que foi baleado ao invadir a casa da ex-mulher na manhã desta segunda-feira (14) em Patos de Minas não resistiu aos ferimentos. A morte foi confirmada por policiais militares que participaram da ocorrência. O autor dos disparos continua foragido. A mulher com que a vítima queria reatar concedeu entrevista e deu detalhes do crime.

O crime aconteceu por volta de 8h desta manhã. Gustavo Jesus, conhecido como Sô João, se armou com uma faca, pulou o muro da casa da mulher, na rua Rogério Severino de Almeida, no bairro Abner Afonso, arrombou a porta e invadiu a casa, entrando em luta corporal com Luiz Henrique Borges Martins, que é o atual companheiro da mulher. No meio da briga, Luiz conseguiu entrar debaixo do sofá e pegar a arma que estava escondida ali.

Continua depois da publicidade

O morador efetuou diversos disparos, atingindo Gustavo três vezes na cabeça, uma vez no ombro e outro no tórax. Ele foi socorrido com vida por uma unidade do Samu e encaminhado para o Hospital Regional, mas não resistiu aos ferimentos. Foi o 11º homicídio do ano em Patos de Minas. Luiz Henrique, autor dos disparos, fugiu do local. A Polícia Civil já começou a investigar o caso.

A ex-mulher de Gustavo Jesus e atual companheira de Luiz Henrique concedeu entrevista e contou como tudo aconteceu. Ela disse que vinha sendo ameaçada e que não teve mais sossego desde que Gustavo deixou o Presídio Sebastião Satiro.

Fonte: Patos Hoje

Share.

Comments are closed.