No último domingo, treze de maio, completou-se 130 anos da abolição da escravatura no Brasil. Porém, a data não muito o que ser comemorada para os negros. A nova corrente acadêmica destaca como a abolição da escravatura, apesar de ser considerada um dos capítulos centrais da história do Brasil, deixou para a população negra um legado doloroso.

Contra a ideia de celebração na data de 13 de maio, o movimento negro promove, principalmente depois da década de 70, um debate crítico sobre a abolição. A socióloga Vilma Reis, ouvidora geral da Defensoria Pública do Estado da Bahia diz que a data ‘não é celebração, é uma lembrança, um destaque, porque são 130 anos de violações de direitos’.

Recebemos em nossos estúdios para uma conversa o historiador e presidente da irmandade de Nossa Senhora do Rosário de Rio Paranaíba, Jeremias Brasileiro, para falar sobre o assunto. Ele nos conta detalhe sobre o data e um pouco sobre o passado de Rio Paranaíba. Confira a entrevista na íntegra abaixo!

Ontem à noite foi realizado uma palestra no campus da UFV em Rio Paranaíba, sobre o tema com o professor João Carlos Pio de Souza, graduado em Filosofia e mestre em Educação pelo Programa de Pós-graduação da PUC-Minas.

O magistrado abordou o tema “Da abolição a políticas alternativas: o enfrentamento às desigualdades e o racismo”. O evento ainda contou com a participação do Congo Sereno de Rio Paranaíba e a participação de diversos alunos, professores e pessoas interessadas no assunto.

Aliado a isso, no próximo fim de semana acontece na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), uma reunião regional dos Congadeiros visando disseminar as discussões sobre o processo de reconhecimento das Congadas de Minas Gerais como patrimônio cultural brasileiro junto àqueles que estão diretamente envolvidos com essa expressão cultural.

O evento está previsto para começar nesta sexta-feira, 18 de março e prosseguir até domingo, dia 20 e deve contar a participação de cerca de 200 congadeiros da região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. De Rio Paranaíba, os representantes dos ternos de congadas estarão participando do evento.

Texto: Gilberto Martins

Share.

Comments are closed.