A atitude nada responsável de dois estudantes por pouco não provocou um incêndio de grandes proporções em Patos de Minas. Alunos de uma escola pública localizada no centro da cidade provocaram um curto circuito em uma tomada localizada no interior de uma sala de aula. Eles usaram um clips para provocar o curto e causaram um apagão na instituição.


A Polícia Militar foi acionada por volta de 8h50 e apreendeu os dois adolescentes. O clips usado para provocar o curto circuito foi localizado na mochila do estudante de 17 anos. Mas foi o colega dele, um adolescente de 16 anos, que teria causado o curto circuito. O pai do garoto de 16 anos foi localizado. O Conselho Tutelar representou o outro menor.

Continua depois da publicidade

A ação dos garotos foi gravada por telefone celular. O vídeo do adolescente provocando o curto circuito está sendo compartilhado nas redes sociais. De acordo com o Tenente Adriano, os dois estudantes resolveram praticar a brincadeira depois de ver vídeos na internet. O policial informou que eles foram levados para a delegacia devido ao dano e, após advertidos, mostraram arrependimento.

Os alunos usaram um clips metálico com o auxílio de uma borracha para causar o curto circuito. A diretora do Marcolino de Barros, Bruna Aparecida de Andrade, informou que os estudantes do ensino médio devem também sofrer as penalidades legais pela administração da escola. Ela ainda alertou que o prédio é tombado pelo patrimônio histórico e os pais devem ficar responsáveis pela reparação dos danos. O caso já foi repassado para a Polícia Civil.

Fonte: Patos Hoje

Share.

Comments are closed.