Bebê de apenas três meses é envenenado pela própria mãe de 17 anos em Guarda dos Ferreiros

Uma adolescente, de 17 anos, envenenou, aparentemente por acidente, o próprio filho, um bebê de apenas três meses. O caso aconteceu no Distrito de Guarda dos Ferreiros, em São Gotardo. A menor disse para a Polícia que se confundiu, pois estava em um quarto escuro e trocou o frasco de um medicamento, por um frasco de veneno. Ela não explicou por que guardava veneno e remédios no mesmo local. A criança foi medicada e passa bem.


De acordo com a ocorrência, funcionários do Pronto Socorro, do Hospital de São Gotardo, acionaram a Polícia Militar informando a entrada de um bebe de três meses, vítima de envenenamento. A adolescente explicou que o filho tossia bastante e que, no escuro, pegou “Barragem” – veneno usado para matar ratos insetos – em cima de uma cômoda, pesando ser o medicamento e deu para ele em grande quantidade. Minutos depois a criança começou a passar mal. A menor pediu socorro para a cunhada, que levou o bebê para o hospital.

Os policiais pediram explicações para a mãe. Ela disse que só percebeu o engano após envenenamento, e não soube explicar por que o remédio estava junto com o veneno. A adolescente disse que ambos os frascos ficam próximos e que, no escuro, se confundiu.

O bebê chegou ao Pronto Socorro apresentando inchaço e espuma na boca. A menor informou que a criança ingeriu quase a metade da quantidade de um frasco de veneno. Após lavagem estomacal, o bebê reagiu e está fora de perigo, segundo os médicos. Os militares recolheram o recipiente com o veneno e a adolescente não foi apreendida. O Conselho Tutelar foi notificado e deve acompanhar o caso.

Texto: Toninho Cury

COMPARTILHAR
Um site de notícias de Rio Paranaíba e região com precisão e responsabilidade.